Recomenda-se:

Netscope

Tuesday, January 31, 2012

E no seguimento do closet, um Momento " ora toma"

 Serious Retail Therapy

Esta semana decidi atacar as carteiras: passar umas quantas à categoria "Arquivo", desencaixotar outras ou trazer do apartamento algumas que me faziam falta. Voltei com a bagageira cheia de carteiras e sacos giríssimos e na maioria, sem uso. Parecia um marroquino a caminho do mercado (numa versão melhorzinha, entenda-se). Tenho uma leve obsessão por carteiras, principalmente as vintage: entre as que compro, herdo de familiares ou pessoas amigas e desencanto em sítios que não lembram ao Menino Jesus, vai-se compondo uma colecção interessante.
Com o meu "tesouro" bem fechado, ainda passei pelo centro comercial. Dei um pulo à Zara, a ver literalmente em que paravam as modas. Dentro do segmento em que se insere, esta é uma loja que vale o que vale e tem vindo a melhorar bastante. Não compreendo a adoração de algumas bloggers por ela, mas há que reconhecer que do grupo Inditex, é talvez a única que se mantém apelativa - um assunto a desenvolver noutro post.
Ora, os acessórios são precisamente algo em que se nota o investimento desta marca. Além de não ter cedido ao PU nem a outros materiais horrorosos, o design das carteiras Zara está muito bem conseguido. Coisas bem acabadas, com um ar retro, cabedal envelhecido e envernizado, ou com detalhes fofinhos, tudo ladylike como eu gosto, a piscar o olho aos anos 30 e 70 com cores como verde escuro, amarelinho e bourdeaux. Um amor!
Os meus olhos brilharam um bocadinho ao reparar nelas, e um bocadinho mais ao lembrar-me que tinha cerca de 20 carteiras - fora as outras - tão ou mais bonitas à minha espera no carro, com a vantagem de serem items raros, originais...e muito minhas. Regressei a casa a fazer pisca-pisca de contente com a minha abundância, a sentir-me uma mistura entre uma smart shopper, um nababo e uma Paris Hilton desta vida. Em verdadeiro modo pomposo, excessivo e mete-nojo.
Eu sou toda contra a ostentação, é verdade, mas ninguém viu que me envaideci. E em tempo de crise até as pessoas discretas precisam de um momento "toma e embrulha" como este.

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...