Recomenda-se:

Netscope

Monday, March 19, 2012

Já não há pachorra...

Michelle Reis
...para ouvir "Someone Like you" 30 vezes ao dia. Once again, a culpa é das playlists, peritas em tornar detestáveis até as canções mais decentes. 
Sou franca, nunca gostei do tema; é demasiado xaropento para mim ( a própria Adele já veio dizer que quer escrever coisas menos dadas ao sentimento!!! daqui para a frente) mas não é disso que se trata.
 Ainda que gostasse, não se arranja paciência para tanto vira o disco e toca o mesmo, para esmiuçar o desespero da Adelinha que só percebeu tarde demais quem era o amor da sua vida. Se há coisa que me enerva é ver uma ex sem dignidade, a pedir batatinhas - especialmente quando já não há remédio, como parece ser o caso. Só me apetece dizer: ó mulher chata! Não tem vergonha de ir desinquietar o rapaz que está sossegado em sua casa? Quem foi ao ar, perdeu o lugar. Há muito peixe no mar, muito mar no peixe, e os homens são como o biscoito: vai um, vem dezoito.
 A fila anda, a vida continua. Get over it. Já todos partilhámos consigo o momento humilhante e embaraçoso, agora faça favor de cantar outra coisa. Grata.

4 comments:

Lady Lamp said...

Ahahahahah adorei! xD

♥ Guida said...

Não podia estar mais de acordo! É essa e a Rolling in the Deep. Parece que a senhora não tem mais músicas. Pior ainda: agora anda aí a Lana Del Rey (com todo o respeito por quem gosta...), que canta para dentro e todas as músicas dela lembram as da Adele. Nhecas.

Beijinho

Imperatriz Sissi said...

Obrigada, Lamparina, por compreenderes. ;)Beijinho.

Imperatriz Sissi said...

Guida, já nem falo da Rolling in the Deep, credo! Da Lana gosto um bocadinho mais. Melodicamente é mais intrincada e as letras são menos "in your face". Mas já sabemos como são as playlists e daqui a pouco não posso ouvir nenhuma delas - nem outras canções de que realmente gosto. Não faz sentido! Beijinho

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...