Recomenda-se:

Netscope

Thursday, June 21, 2012

Midsummer




Hoje temos o dia mais longo e a noite mais curta.  O Midsummer marca cerca de três dias (de 21 a 23 de Junho) em que os Deuses, as fadas e os príncipes élficos passeiam livremente por aí. Em que tudo pode acontecer. As ervas da sorte apanhadas nesta altura têm o seu poder multiplicado. O Midsummer, ou Litha, era assinalado pelos celtas com festas e fogueiras – um pouco como hoje, embora as celebrações tenham sido cristianizadas e transformadas na noite de S.João. Nesses tempos, as jovens faziam sortilégios para adivinhar o rosto do futuro marido; alguns desses “truques” chegaram até nós. Contava a avó Celeste que uma alcachofra deitada ao fogo de S.João devia ser guardada. Se voltasse a florir, era sinal que o amor de um pretendente era verdadeiro. Com ela funcionou, digo-vos isto…Quanto a mim, vou celebrar o solstício da forma mais adequada: uma alegre mistura entre a pura tradição Pagã e a devoção Católica Romana, com uma missa familiar em honra dos antepassados seguida de uma festa do solstício cheia de música folk e danças, junto a parentes e amigos. Ou seja, uma festa talhada à minha medida e à semelhança da evolução do próprio Sabbath, que nasceu da Velha Religião e se adaptou à nova sem perder os seus traços distintivos…

2 comments:

Maria Pitufa said...

curioso..ainda hoje propus que se fizesse exactamente uma festa para celebrar! Do estilo mini Santo António... :) Andam-me a faltar as festas de verão.. com noites bem quentes e afins!!

Imperatriz Sissi said...

Eu adoro esta época! Solstício, fogueiras, vai de roda.. :D

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...