Recomenda-se:

Netscope

Thursday, July 12, 2012

O meu gato veste Prada

Sinto-me ridículo, mas tão fashion!!!

O meu quarto tem um móvel muito engraçado dos anos 70, que é uma mistura entre divã e sofá, com três gavetões por baixo onde guardo a minha colecção de lenços e chapéus. O seu colchão é coberto por uma espessa manta de carpélio e veludo, com uma face violeta outra tigresse, antiga também. Dou os mais variados usos a esta peça de mobília – a ideia original é as minhas amigas terem um local para se sentarem quando me visitam, mas por vezes ponho-lhe uma mesa à frente e fico lá a trabalhar, uso-o para colocar roupas que esteja a emalar ou estendo-lhe em cima a toilette para o dia seguinte, se ela for demasiado “farfalhuda” para caber no manequim que tenho para o efeito.

Como nenhuma superfície lisa está livre de servir de apoio, por vezes deixo temporariamente algumas coisas sobre o “sofã”, como carteiras ou peças de roupa – o que é péssima ideia numa casa onde os gatos gostam de nos seguir para toda a parte e mexer no que nos pertence. E os bichanos têm uma predilecção pelo divã, que além de fofo, tem muitas almofadas bonitinhas e macias.

Eis que ontem entro nos meus aposentos e dou com o Chiquinho a dormir regaladamente no móvel,  em cima de umas calças Prada. Mas o gato julga que eu sou a Paris Hilton ou quê?  Exigente, o malandro. Tinha outras da Zara mesmo ao lado, com um tecido bem mais convidativo para se aninhar, e não lhes ligou importância nenhuma. Ainda estava a mudá-lo de sítio (não consigo acordá-lo à bruta) quando olho para o closet, que estava aberto…e vejo a Sra. D. Bolacha Maria dentro dele, a observar os meus vestidos com o ar mais entedido deste mundo, como quem diz “ bonitas coisas! Qual será a mais aveludada para eu amassar?”. Mea culpa, mea culpa

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...