Recomenda-se:

Netscope

Saturday, August 25, 2012

Look icónico do cinema, #1 : Pretty Woman



Nunca me importei nada com o filme - uma versão xaroposa e disparatada do Pygmalion, de Shaw, e do consequente My Fair Lady. Além de conferir uma aura glamourosa à prostituição, venha quem vier ninguém me convence que uma streetwalker consegue fazer-se passar por uma senhora em dois dias, assim, sem umas aulas do Higgins nem nada. Ser bonita, ter bom coração, umas ensaboadelas do gerente do Hotel  e umas fatiotas novas parecem-me fraco argumento para uma transformação tão rápida. Mas enfim, é Hollywood, mundo onde as leis da física, da moral e da probabilidade são artisticamente distorcidas à vontade do realizador. Mesmo quando não a vemos, lá anda a fada madrinha. No entanto, Pretty Woman (1990tem alguns momentos giros e sobretudo, um belo figurino.
A equipa de figurinistas liderada por Marilyn Vance-Straker esmerou-se na criação de um guarda-roupa elegantíssimo e intemporal, um feito considerando a época: são poucos looks de filmes dessa altura, mesmo os mais marcantes, que não parecem datados. O frock encarnado para a Ópera, o cocktail dress preto, o blazer salmão, todos são encantadores. Mas o meu preferido é sem dúvida o vestido castanho com polka dots, que é imaculado. Reparem como o cinto parece actual, e as luvas (curtas, como devem ser num evento diurno) foram bem escolhidas. Um amor!

3 comments:

*C*inderela said...

Há coisas que são mesmo à filmes! As transformações rápidas e drásticas são uma delas.
Também gosto desse vestido, adoro pormenores com bolinhas pequenas.

Bjokas

Imperatriz Sissi said...

Também ando sempre à coca de roupas ou acessórios com bolinhas, adoro esse padrão! Beijinho.

A Bomboca Mais Gostosa said...

Eu gosto do filme, é fofinho e o guarda roupa é divinal ;)

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...