Recomenda-se:

Netscope

Monday, January 21, 2013

Cingir o vestido!

                     
Para a passadeira passadeira encarnada dos "Critics Circle Film Awards", em Londres, Emily Blunt escolheu, à semelhança do que tinha feito em Novembro, um vestido Alexander McQueen. Como outros modelos que esta casa tem apresentado, o vestido longo com peplum é enfeitado por um cinto (neste caso de couro, num jogo de contrastes com a formalidade do traje, mas em harmonia com o tecido cru).
Tenho comentado por aqui que os cintos de todos os tamanhos vieram para ficar - emprestando feminilidade a vestidos a direito ou permitindo dar novo uso a blusas, camisas e tops. No caso dos vestidos, pode adoptar-se a ideia comprando uma das propostas disponíveis nas lojas ou acessorizando vestidos de cocktail ou longos que já se tenham em casa. Para quem não aprecia misturar um cinto de ar agressivo com uma peça delicada, o ideal são os cintos-cordão com borlas ou os obi belts. Pela minha parte, vou usar estes últimos, brincando com a tendência da chinoiserie e brocados. Muitos vestidos de corte oriental são um pouco largos na cintura, mesmo mandando apertar e um cinto não só garante a figura de ampulheta sem erros como acrescenta um twist actual, divertido e trendy ao figurino.


1 comment:

lena said...

O look está lindo e o cinto ficou muito bem. Adoro cintos e uso.
Beijinhos grandes

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...