Recomenda-se:

Netscope

Thursday, January 24, 2013

Someday I´ll marry you...Prince of the Universe

Quando era miúda gostava do filme Highlander, que passava na TV, já um pouco datado: tinha espadeirada, viagens no tempo, escoceses, poderes mágicos, o Sean Connery e a música dos Queen. Ou seja, todos os ingredientes para  me prender ao ecrã. Havia ainda outro motivo, que - constatei, não se modificou com o passar dos anos : eu achava o vilão, Kurgan, o máximo. De uma maneira sinistra - mas ainda assim o máximo. Bonito que se fartava, grande e imponente,  com longa cabeleira preta a contrastar com olhos azuis, um vivo diabo que tinha passado milhares de anos a fazer maldades e a espalhar o terror, sempre com um sorriso endiabrado e a não levar nada a sério. Desculpem a sinceridade mas sempre achei que o bom da fita fica a perder quando o mau é carismático. Mesmo que o herói da história seja um muito charmoso Christopher Lambert. O Kurgan era um senhor. Usava trajes um pouco fora de época para o século XVI, mas nada bate uma fatiota bárbara (ou tolkieniana-feanoriana) e uma armadura assustadora. Depois adoptou um look punk que lhe ficava a matar.  Rapaz temente a Deus, ainda que causasse distúrbios na Igreja e se queixasse depois que "as freiras não têm nenhum sentido de humor". Sempre tive um fraco por pessoas com espírito acutilante e que fazem caretas. Cada um tem os seus gostos, fazer o quê...
 Tenhamos paciência, o rapaz só queria dominar o Mundo, sonho que nunca entendi muito bem para que serve, mas compreensível quando se é tão poderoso e já se experimentou tudo, já se viveu tudo e há que subir o próximo degrau. Por trás de um grande homem está sempre uma grande mulher, e esta menina tem muita paciência para as ambições de gente com provas dadas. Isto para dizer que é uma pena que o Kurgan não tivesse ganho o prémio e procurado noiva. Nunca me pus em bicos dos pés para sapatinhos de cristal, mas palavra que me candidatava ao lugar. Digam o que disserem, evil is cool.




2 comments:

A Bomboca Mais Gostosa said...

Eu era completamente viciada nisso. Boas memórias :)

Pusinko said...

Boa lembrança :)
Quanto ao mau da fita é, de facto, muito interessante (e atraente). Apesar disso, eu torcia sempre pelo Christopher Lambert. Um vício como disse a Bomboca.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...