Recomenda-se:

Netscope

Wednesday, April 17, 2013

Cœur sacré: do amor condenado



Queria dizer duas palavras sobre esta canção - que ouvi por acaso há um ano ou dois num canal que nem faz o meu género e me agarrou imediatamente - mas acho que uma tradução livre da letra faz melhor efeito para ilustrar o céu que se torna inferno. 
Enough said.

Nem uma palavra, nem um grito; amarei tanto mas nada funciona; está escrito na tua pele como um coração sagrado, tatuado, o amor - poderá durar para sempre? Crês verdadeiramente no amor? Tudo é falso; tudo é cinzento, tu finges mas o sangue nunca mente; sabes bem as manhãs em que os corações parecem pesar tanto -  o teu corpo tatuado, amor, dum coração sagrado - como um coração sagrado, tatuado, o amor - poderá durar para sempre? Crês verdadeiramente no amor?


Pas un mot, pas un cri
J'aimerai tant
 J'aimerai tellement, rien ne vient pourtant
C'est écrit, sur ta peau

Comme un cœur, sacré tatoué,  l'amour, 
peut il durer, toujours
Crois tu vraiment  à l'amour

Tout est faux, tout est gris
Tu prétends
Tenter tant et tant le sang jamais ne ment
Tu sais bien, les matins

Quand les cœurs
Semblent peser,  si lourd
Ton corps tatoué, amour
D'un cœur sacré
Est ce l'amour

Comme un cœur, sacré tatoué,  l'amour, 
peut il durer,  toujours
Crois tu vraiment à l'amour

1 comment:

TimTim said...

adoro esta música

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...