Recomenda-se:

Netscope

Monday, October 14, 2013

Eleanor Roosevelt dixit: chá.

                  

 "Uma mulher é como uma saqueta de chá - nunca sabemos o quão forte é até até entrar em água a ferver".

Diz-se muito por aí a frase feita "nunca sabemos como somos fortes até não termos outro remédio" mas acho que esta versão tem outra graça. Ou como dizem as mulheres da minha família, "uma mulher nunca se atrapalha". Corre de saltos altos, mas desce deles num ápice se preciso for. Vai do pardal à pantera, se levada ao limite. E é bom estar preparada, porque nunca se sabe onde estão os limites. Podem estar em cada esquina. E às vezes aparecem todos no mesmo dia. Haja chá, muito...mas chá a ferver, em caso de necessidade.
 


1 comment:

*C*inderela said...

Gostei dessa versão :) É mesmo nos limites que somos postos à prova e descobrimos a intensidade da nossa força.

Bjokas.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...