Recomenda-se:

Netscope

Monday, April 28, 2014

As coisas que eu ouço: coitado do Marquês!


No café onde me conhecem desde que eu ia de cueiros, ou quase, para os meus pais me obrigarem a comer um croissant de chocolate a ver se eu não caía para o lado (fui uma daquelas crianças chatas que torcem o nariz à comida...) todos os empregados me tratam com grande simpatia. 
 E um deles, que é daquelas pessoas extraordinárias que andam sempre tão contentes que dá gosto, vira-se para nós e diz:

"Sabem que fugiu um leão em Lisboa? Mas não foi do jardim zoológico...foi o do Marquês de Pombal. Com a festa benfiquista pôs-se a andar e deixou o Marquês sozinho...coitado do homem!".

Eu nem gosto de piadas de futebol até porque não entendo a maior parte, mas achei a maior das graças...não há que censurar o leão, com tamanha algazarra e com o vandalismo que fizeram à estátua. 

 É daquelas situações: se eu pudesse ir aí abaixo, queria ver se tinham o mesmo atrevimento...

É muito fácil torturar quem já não se pode defender, nem mandar gente incómoda para o cadafalso. Brutos.

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...