Recomenda-se:

Netscope

Saturday, May 3, 2014

Há direito?


Aconselho-vos a evitar viver numa casa onde as pessoas têm a mania que são morcegos, a não ser que se trate da vossa família -  se assim for só posso recomendar-vos que façam como na canção e vão à farmácia comprar Paciência. E uns óculos de visão nocturna ou vá, um daqueles capacetes de mineiro com uma lanterninha na testa. 

Não há pachorra para quem faz questão de pôr tudo às escuras, com a mania de fazer maratonas de filmes em ambiente cinema em casa. Se já o cinema é o que é, uma claustrofobia e escuridão desgraçada...

 ...ver um filme com morcegos em casa é uma experiência aterradora. Os morcegos não admitem que se acenda a luz, nem que seja preciso ir procurar alguma coisa (muitas vezes, que eles próprios requisitaram) na sala de estar mergulhada em trevas. Nem para mudar de canal, ir à casinha ou aumentar/reduzir o volume a seu pedido, porque ainda por cima são trapalhões com os comandos- afinal,  às escuras não se aprende a usar o controlo remoto -  logo, encarregam o não-morcego mais próximo de o fazer. E ainda ficam muito admirados se uma pessoa não muda imediatamente o canal, ou tropeça e parte alguma coisa,  ou refila porque não vê nadinha, nadinha.

 Resultado? Chega-se ao ridículo de ter uma lanterna junto ao sofá, para circular pela sala e mudar de canal ou passar à frente os intervalos, etc, etc. E os morceguinhos, que são uns fofos, lá dizem "ooh, coitadinha, acende lá a luz" mas depois volta-se ao mesmo. 

 A morceguice, já que é de família, podia chegar a todos, não? Ou ter como contrapartida que o elemento não morcego, para compensar a falta desse super poder, possuísse olhos de gato para ver no escuro.


2 comments:

Sandy said...

Eu vivo com um. É preciso poupar electricidade :)

Pusinko said...

Partilho o hábito da tua mae. Em casa ou no trabalho (quando faco noite) ando por corredores que serviriam facilmente de cenário a filmes de terror, sobreviventes que sao a duas guerras mundiais. Nenhum dos meus colegas se sente confortável com isso, já eu adoro. Pelo menos até tropecar...

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...