Recomenda-se:

Netscope

Saturday, September 27, 2014

Cuidado com as pessoas-ornitorrinco!




Saiste-me cá um ornitorrinco!
Eu não gostava de viver na Oceania porque além de terem por lá serial killers de fazer corar os americanos, o que não falta  é bicharada estranha- a começar pelos diabos da Tasmânia e eu que sou doida por animais tenho os meus limites. Mas o mais estapafúrdio de todos há-de ser o ornitorrinco - um bicharoco que  deve ter sérios problemas de identidade porque é, ao mesmo tempo, um réptil, um pássaro e um mamífero. De facto, quando os primeiros exemplares chegaram à Europa os cientistas pensaram que se tratava de uma farsa, pois não atinavam como é que um animalejo podia ter pêlo e cauda de castor, patas com membranas, bico de pato, pôr ovos e amamentar as crias, mas não ter dentes...enfim, o pobre do ornitorrinco é uma confusão e ainda por cima é venenoso: os machos possuem um esporão nas patas traseiras que liberta uma substância tóxica, usada para defesa. Fácil de entender, hein?

 Ora, há pessoas que são exactamente como o ornitorrinco. Não é que ponham ovos ou tenham cauda, mas não sabem muito bem quem são nem o que querem dos outros, ou da vida. São assim um híbrido do outro mundo e quando alguém tenta fazer de cientista e analisá-las, fica exactamente na mesma. Tem de se conformar com a esquisitice da criatura e aceitar que ela é como o Senhor a fez e mais nada, isto se não levar uma ferroada ou duas no processo. 


 O pior é que nem todas as pessoas ornitorrinco vêm da Land Down Under- não faltam espécimes destes nados e criados em toda a parte, ao virar da esquina...




No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...