Recomenda-se:

Netscope

Monday, February 2, 2015

Pele frágil? Cuide bem dela!


Ter uma pele delicada é uma faca de dois gumes: por um lado, dá às suas possuidoras um aspecto jovem, luminoso, patrício. Mulheres como Gwyneth Paltrow, Julianne Moore ou Kate Beckinsale não precisam de muito trabalho para ter um ar sofisticado; uma pele fina e clara, principalmente se a mulher em causa tiver uma estrutura física elegante, remete-nos  inconscientemente para os velhos padrões de beleza associados a "boa estirpe". Por outro lado, uma cútis frágil precisa de mais cuidados para se manter bonita e livre de vermelhidões, marcas do tempo, manchas e defeitos semelhantes.

E atenção - embora as peles pálidas tenham mais tendência a ser sensíveis e reactivas, peles ambarinas ou douradas, desde que finas, precisam igualmente de cautelas.

Nestes casos nada substitui as recomendações de um bom dermatologista com ajuda de uma profissional de estética competente, mas a pedido de algumas frequentadoras aqui do IS, deixo uma compilação de conselhos tried and true. O lema mais importante, porém, é "antes prevenir que remediar!".


 1- Protecção contra os elementos

Já aqui falei nos cuidados a ter com o frio. Quanto à protecção solar... é obrigatória todo o ano, e convém que vá aumentando mal o sol começa a espreitar todos os dias. Usar ou não maquilhagem é uma escolha individual, mas pessoalmente acho que não só disfarça qualquer reacção a agressões externas (calor, vento) como oferece uma defesa extra - em especial se optar por base ou creme colorido com protecção UV.
 No entanto, deixo a recomendação da minha avozinha: evitar toda a exposição supérflua ao sol e ao vento! Portanto há que não desprezar os chapéus, óculos de sol, carapuços amplos...



2 - Cremes, esse grande desafio

 Um dos senãos de ter "pele de boneca" é não poder experimentar à vontade todas as novidades de dermocosmética que aparecem no mercado.

O creme hidratante, que penetra mais profundamente nos poros do que qualquer outro produto, deve ser a principal preocupação .

 Um creme caríssimo de perfumaria que faz maravilhas por uma pele normal pode provocar irritação, descamação, secura, oleosidade (porque às vezes a pele reage, compensado desta forma) ou mesmo acne numa pele sensível que habitualmente não sofre de nada disso, ao fim de uma ou duas semanas de uso. 

Para piorar um pouco, nem todas as marcas ou gamas para pele "sensível" são garantidas (tenho pena, mas nunca suportei a maior parte dos produtos da Avene - o que surpreendeu muito o dermatologista - e a linha da Diadermine para peles sensíveis, que parecia uma boa novidade, foi dinamite). 

Pela minha experiência, marcas como a Clinique, Uriage, La Roche Posay (que também oferecem fórmulas excelentes contra a rosácea) Vichy e Roc são as mais inócuas. Também tenho tido bons resultados com alguns produtos de marcas como Shiseido, Estée Lauder , Clarins ou Erborian, mas é preciso ver caso a caso. 
 Os BB e CC Cream são uma boa aposta, porque como as fórmulas originais foram criadas para pessoas que tinham sido sujeitas a peelings químicos, normalmente são gentis com a pele: aconselho os da Erborian, Garnier, L´Oreal, Maybelline, Sleek e Bourjois.


3 - Maquilhagem aprovada

 Fond de teint, correctores, pós e companhia são apenas um pouco menos "perigosos" do que os cremes quando se trata de provocar reacções indesejadas, já que estão todo o dia em contacto com os poros. A boa notícia é que a maior parte das marcas, mesmo as de supermercado, já oferece opções muito menos agressivas. Há alguns anos atrás era certo apanhar uma alergia se não escolhesse Shiseido, Sephora, Clinique, Make up Forever e assim por diante (durante anos também fui fiel a uma base compacta da Bourjois que infelizmente foi descontinuada); actualmente é raro ter más surpresas. Não só houve uma evolução acentuada nas fórmulas e variedade de tons disponíveis, como surgiram alternativas como a Kiko e mesmo marcas acessíveis oriundas de países onde as peles delicadas abundam (Polónia, Alemanha...). Essence, Basic, Gosh e Catrice oferecem, por incrível que pareça, uma utilização segura. Mas o melhor é "ouvir" a pele. Se repuxa, faz comichão ou se nota os poros entupidos ao fim do dia, livre-se do produto, porque não há duas peles iguais. Better safe than sorry.


4- Cuidados específicos e outros truques


Quem tem pele sensível não pode ser mandriona. A limpeza rigorosa  é essencial todos os dias, porque ao acumular impurezas facilmente perde a preciosa luminosidade e se tiver de recorrer a tratamentos mais invasivos para remediar o mal feito, os eventuais efeitos secundários serão muito piores do que numa pele normal.
 Um bom tónico é indispensável para fechar os poros e estimular a produção de colagéneo. Outro auxílio a não esquecer é a exfoliação - no entanto, são preferíveis os peelings ácidos suaves a tudo o que "esfregue" a pele com frequência.

Água termal e água de rosas são grandes aliadas para finalizar a desmaquilhagem ou acalmar a pele irritada. Prefiro a água termal para os dias em que a pele parece seca e a água de rosas para os dias de calor em que há mais tendência a brilhos indesejados.

 Outro passo útil é a máscara hidratante ou purificante feita regularmente (ou pelo menos, se sentir que a pele precisa de repor hidratação). Estas, vendidas nas ervanárias e supermercados, servem perfeitamente o propósito, mas também recomendo uma máscara/exfoliante de mel que se faz em dois tempos durante o duche!
 E embora alguns profissionais nos façam crer o contrário, o creme de olhos é imprescindível. Essa área tão vulnerável precisa mesmo de cuidados especiais. Recomendo usar o creme de olhos e a seguir, um bocadinho de vaselina por toda a pálpebra (com cuidado para que não ultrapasse essa zona, porque pode entupir os poros) para selar a hidratação e proteger. Retira-se o excesso com um lenço de papel.

 Por fim, a alimentação - muito cálcio (couves, leite, iogurtes), silício, presente, por exemplo, nas cápsulas ou chás de cavalinha (para fixar o cálcio e dar firmeza), colagéneo e vitamina B, ovos, óleo de fígado de bacalhau...tudo "receitas" que as avós recomendavam, mas que realmente funcionam. E beber muita água - quando as modelos falam disso, não é só conversa. Resulta!



Em resumo, tudo o que é delicado dá trabalho...mas quando se trata da sua pele, lembre-se: ninguém lhe dá outra, não é?

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...