Recomenda-se:

Netscope

Friday, April 17, 2015

Sexismo ou senso comum?


Michael Bublé (cuja carreira não acompanho mas reconheço, canta deliciosamente bem) tem sido duramente criticado nas redes sociais (e pelos média melindrosos da praxe). Em causa está ter publicado no Instagram, com um comentário jocoso, um retrato que a esposa lhe tirou num restaurante de fast-food qualquer e no qual aparece ao fundo, estilo adereço, a mulher semi vestida que estava à sua frente na fila.

Apesar de a jovem (?) em causa estar de costas e não se identificar, as pessoas ficaram muito zangadas. 

Talvez porque não se espera tal coisa de Michael Bublé (que tem cultivado, parece-me, uma imagem de cavalheiro) ou porque as pessoas andam cada vez mais tolerantes com todas as subversões mas pouco tolerantes quando se trata de lhes  apontarem as figuras que fazem, os internautas arvoraram de imediato as bandeiras do costume: sexismo, objectificação, slut shaming. Aqui d´El Rei, que a rapariga não deu o seu consentimento para aparecer nesses preparos no Instagram de uma celebridade! Nenhuma mulher merece isso, nem que ande despida em público! É uma forma de agressão, etc.

 Eu não digo que seja ético - ou de bom gosto, de resto - fotografar os outros à socapa só porque estão vestidos de forma pouco apropriada (e sim, gostem ou não ela está vestida de forma pouco apropriada para qualquer sítio que não seja a própria casa, a praia, o palco, a piscina ou no limite, o ginásio). Quando tenho a pouca sorte de ver coisas menos correctas a minha vontade não é 
eternizá-las ou partilhá-las. Em muitos casos sinto o meu sentido estético agredido e tenho pena que as mulheres usem a liberdade de que dispõem para se apresentarem ao mundo de uma forma que não as dignifica, chamando a atenção grosseira de estranhos.

  No mínimo, quem vai assim para a rua não pretende ser notada por outra coisa que não as suas formas, nem passar incógnita. Poderá não o fazer "por mal" ou apenas porque "gosta da roupa" mas SABE que vai dar nas vistas. A partir do momento em que algo é exposto em público, sujeita-se ao bom e ao mau julgamento (embora eu não veja o que possa haver de "bom "em receber piropos desagradáveis, mas cada uma sabe de si). E, como qualquer assunto/pessoa/coisa que esteja em evidência, arrisca-se a ser alvo de ditos, raciocínios, piadas e brincadeiras, não necessariamente de teor justo ou correcto.

Não se pode controlar as reacções dos outros; apenas temos poder sobre as nossas escolhas, que por sua vez vão orientar a maior parte das reacções alheias (ressalve-se que há sempre loucos e gente maldosa e quanto a esses, ninguém está seguro).

Se nos mascararmos no Carnaval e ninguém notar que estamos fantasiados, falhámos o objectivo; mas se nos vestirmos de palhaço num dia normal, temos o direito de nos ofender porque dizem na rua "olhe mãe, um palhaço?" Ou porque nos fotografam pelas costas para publicar no Facebook com a legenda "cada palhacito que me aparece?". Quem aponta pode não estar a ser muito bem educado, mas fala verdade...

O problema é que para algumas mulheres, a vida é um Carnaval. Se passar um dia que ninguém dê por elas ou em que sejam elogiadas "só" por terem uma cara engraçada, ou por serem competentes no seu trabalho/boas pessoas/etc, a sua auto estima vai pelo cano abaixo.

 Por isso, parece-me que no máximo o cantor poderá ser acusado de uma brincadeira tola, mas sexismo? Se um homem for ao McDonald´s sem calças, será notado de certeza. 

Sexismo será se uma mulher veste discretamente, está quieta no seu canto, não corresponde a qualquer tipo de flirt e mesmo assim é incomodada. Tudo o resto, como qualquer liberdade, exige senso comum.

  



3 comments:

A Bomboca Mais Gostosa said...

Eu sou muito fã do Michael Bublé, e ele tem um sentido de humor impecável, está certo que poderia não ter posto a foto, mas creio que não foi com o intuito de "desvalorizar" a menina. Foi mesmo de apresentar o exagero de pouca roupa que a mesma trazia.

A Bomboca Mais Gostosa said...

E não, a postura dele não é minimamente sexista, nunca o demonstrou.

Ana Duarte said...

A nova moda entre as pseudo-famosas é exibir as próprias imperfeicoes nas redes sociais e depois mostrar indignacao com os comentários. Vale tudo para aparecer/ser falado.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...