Recomenda-se:

Netscope

Thursday, August 13, 2015

A outra linda Inês



Tal como o seu pai D. Pedro I amara perdidamente a linda Inês de Castro, D. João, Mestre de Avis (filho da sua união consoladora com Teresa Lourenço, após a morte da "colo de garça")  teve uma linda Inês na sua vida.
Aos 20 anos, o futuro Rei D. João I encantou-se por uma deslumbrante judia, Inês Peres, filha de um humilde mas honrado sapateiro. Apaixonadíssimo, não resistiu: seduziu-a e trouxe-a do Alentejo para o Convento de Santos. A bela Inês dar-lhe-ia um filho, o infante D.Afonso (que viria a ser o 1º Duque de Bragança) e uma menina, D. Beatriz de Portugal.
A estima de D. João pelo filho natural não diminuiu apesar de o entretanto Rei estar bem casado com D. Filipa de Lencastre, com quem teve vasta e ilustre prole. Encarregou-o de diversas missões importantes e cumulou-o de mercês.
Casamento de D.João I com D. Filipa de Lencastre, em 1387
Porém, apesar do tratamento privilegiado que D.João deu a uma amante de origem tão modesta, desonra não deixava de ser desonra; o pai de Inês, que era homem de brio, não se conformou por ver a filha subir tão alto a tal preço. Preferia vê-la pobre e honesta, casada com um homem de bem, a barregã bem instalada e mãe de bastardozinhos reais. Ainda pensou atentar contra a vida de D. João, mas conteve-se por reconhecer nele uma boa pessoa. 
Assim como assim, o mal estava feito; restou-lhe mandar o ducado à tábua, e para demonstrar a toda a gente o seu desgosto com tal arranjinho, nunca mais cortou a barba. Ganhou por isso a alcunha de “o Barbadão”.
 Afonso de Portugal
Pais íntegros destes estão quase extintos hoje, mas mesmo naquele tempo em que o pundonor estava na moda, dava nas vistas um homem a quem nem o ouro nem as honrarias podiam comprar. Quantos não colocariam as filhas na fila e cortariam a barba se fosse preciso para estarem no lugar do Barbadão!

 E no entanto, como Deus escreve direito por linhas tortas e o fruto não cai longe da árvore, a futura dinastia de Bragança ficaria para sempre ligada ao digno judeu, cujas filhas até se podiam deixar roubar por sua cabeça, mas jamais estariam à venda…

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...