Recomenda-se:

Netscope

Friday, October 23, 2015

S.João Paulo II dixit: Mulieris Dignitatem


A propósito do Dia de S.João Paulo II, que se assinalou ontem, lembrei-me de partilhar convosco um pouco da visão deste bondoso Papa acerca da dignidade feminina, publicada na sua Carta Apostólica Mulieris Dignitatem em 1988:


« A mulher - em nome da libertação do "domínio" do homem- não pode tender à apropriação das características masculinas, contra a sua própria "originalidade" feminina.  (..).

 Por este caminho não se realizará mas poderia, pelo contrário, deformar e perder aquilo que constitui a sua [imensa]  riqueza essencial. 

Na descrição bíblica, a exclamação do primeiro homem à vista da primeira mulher criada é uma exclamação de admiração e de encanto, que atravessa toda a história do homem sobre a terra.

Os recursos pessoais da feminilidade certamente não são menores que os recursos da masculinidade, mas são diversos. A mulher deve portanto entender a sua realização como pessoa, a sua dignidade e vocação em função desses recursos, segundo a riqueza da feminilidade.

 (...) Em todos os casos em que o homem é responsável por tudo quanto ofende a dignidade pessoal da mulher, age contra a sua própria dignidade...».


No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...