Recomenda-se:

Netscope

Thursday, January 7, 2016

10 dos homens mais bem vestidos de sempre (parte II)

Como prometido, continuamos com a nossa lista de cavalheiros altamente inspiradores no que ao guarda roupa e à elegância diz respeito. Cá vão mais dez (e mais haverá, se eu estiver para isso):


1- Jeremy Irons
O charmoso actor que torna a ambiguidade irresistível ( e que tem uma das mais belas vozes do planeta) é conhecido por gostar de uma certa originalidade nas suas fatiotas. Tão depressa aparece em Ascot sem falhar uma vírgula do figurino ou usa a mais clássica parafernália de um gentleman - fedoras, trench coats, sobretudos e sports jackets, geralmente acompanhados de lenços e cachecóis - como mistura a tudo isso elementos exóticos ou arrojados, de botas motard a peças orientais. Mas sempre com um tal aprumo e sentido de estilo que tudo lhe cai lindamente.

2 - Cary Grant
Incontornável ícone de estilo de Holywood, Cary Grant era um homem dado ao detalhe, que fazia questão de aparecer sempre imaculado e estudava a fundo a arte da alfaiataria e do bem vestir (os seus conselhos preciosos estão disponíveis aqui e aqui, numa entrevista concedida à GQ no Inverno de 1967/68). Cada fato era testado ao milímetro e o actor esforçava-se diariamente para que nada falhasse no seu visual, pois acreditava que as roupas fazem um cavalheiro. Fascinado pelo aspecto viril e composto dos soldados mesmo nas circunstâncias mais perigosas, Cary Grant fazia por tratar cada toilette sua com o rigor de um uniforme. Claro que a sua boa presença e quase 1,90 de altura teriam algum contributo para a forma como tudo lhe assentava...
Também se diz que ele e o seu amigo Clark Gable costumavam emprestar roupa um ao outro, o que não seria de estranhar. Outra curiosidade que  confirma Cary Grant como supremo árbitro das elegâncias: Ian Flemming baseou-se nele para criar a personagem 007, mas o actor recusaria o papel, o que fez nascer outra lenda: Sean Connery.

3 - S.A.R o Príncipe Charles
Ofuscado pelo glamour de Diana de Gales (e, atrevo-me a dizer, por um penteado menos feliz) o Príncipe de Gales nem sempre recebeu o devido crédito pelo seu sentido de estilo. No entanto, quem sai aos seus não degenera e ainda hoje basta olhar para imagens suas, principalmente em situações mais descontraídas, para perceber que veste impecavelmente, apesar de ser uma auto proclamada vítima do complexo "relógio parado" (ou seja, não olha para as tendências). Fã de fatos e casacos assertoados, de bons sapatos, de calças com pinças, do tweed, das gabardinas  e de todas as indumentárias no estilo english countryside, veste como quem é, sempre infalivelmente esteja de kilt, de polo para um passeio ou num evento oficial, mas com um toque individual que cada vez lhe cai melhor conforme os anos passam.

4- Oscar Wilde
Seria impossível não incluir o imortal autor e esteta mor nesta lista- diz-se que Oscar Wilde tinha um sentido de estilo tão aguçado como o seu espírito e era tão cuidadoso com a sua aparência como a vaidosa personagem que criou, Dorian Gray. Defendendo que "nunca se pode estar bem vestido demais nem ser instruído demais" que "cada um deve ser uma obra de arte, ou usar uma obra de arte" e que "ter bom ar e estar bem vestido é uma necessidade maior do que ter um propósito de vida", Wilde acreditava na perfeição da alfaiataria e no poder de uma boa gravata, antecipando muitas das toilettes que os cavalheiros usariam 100 anos mais tarde.


5- "Beau" Brummel
Outro Senhor que seria sacrilégio deixar de fora. Beau Brummel, o dândi por excelência, viveu literalmente para a elegância, inventando/popularizando muitos dos modelos que ainda hoje são a norma na roupa masculina - nomeadamente, é-lhe atribuída a criação do fato actual. Rejeitando o estilo colorido e ornamentado que vigorava até então, Brummel foi responsável pelo movimento da "grande renúncia masculina" que advogava as cores escuras, calças compridas, casacos discretos, gravatas e todo um visual subtil, pouco vistoso se comparado com o que era moda no período da Regência. Levava cinco horas a vestir-se e polia as botas com champagne, mas a quem via parecia tudo muito simples. É que o bom estilo consiste em não se notar a canseira que é para sair de casa todos os dias...

6 - David Bowie
Camaleónico, o genial cantor brincou com a androginia em diversas fases da sua carreira sem nunca parecer efectivamente "efeminado". Mas fora do palco - ou nas vezes em que decidiu aparecer vestido apenas com clássica elegância ou descontraído à vontade - o seu estilo é sempre sofisticado, passando por fatos de todos os cortes e materiais, coletes, casacos de cabedal, and so on.

7 - Errol Flynn
O deslumbrante aventureiro das telas (e assumido bad boy de encanto desarmante  na vida real) sabia fazer valer um fato como poucos, mas ficou para a posteridade o debonair com que usava um bomber jacket de couro, as calças chino e as camisolas de inspiração náutica, bem como o seu "olho" para coordenados e acessórios.

8- Edward, Duque de Windsor

Considerado por muitos o homem mais bem vestido do sec. XX, era conhecido pelos seus fatos Savile Row, mas dominava igualmente combinações menos ortodoxas- e na berra actualmente - como tweed e sport jackets acompanhados de ténis de lona.

9- Rafael e Luís Medina
Aqui temos um ex aequo, porque é demasiado difícil decidir qual dos irmãos se apresenta melhor: Rafael, Duque de Feria, ou Luís, o mano mais novo. Invariavelmente na lista dos mais bem vestidos, o guarda roupa de ambos é mais que perfeito - ou não fossem filhos da sempre guapa Nati Abascal.

10- Johannes Huebl

O modelo alemão, marido da socialite Olivia Palermo, é a prova de que o povo fala bem quando diz que a mulher faz o marido e vice versa...ou se preferirem, de que "quando se faz uma panela, faz-se o testo para ela". Se quiserem ser cínicos, também se pode dizer que ainda há casamentos muito bem pensados, porque de facto não podia haver melhor par para a invariavelmente elegante it girl. Com um estilo sem falhas, mas sem parecer forçado ou exagerado, Johannes é um autêntico Ken da vida real, mas numa versão mais bon chic bon genre.



No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...