Recomenda-se:

Netscope

Thursday, February 18, 2016

Três insólitos do dia.



Neste mundo só se entedia quem não presta atenção a nada...



1 - O SEF desmantelou uma rede de casamentos de conveniência que operava num local com o engraçado nome de Bairro da Pasteleira. Os alegados pretendentes pagavam 10 mil euros por cada "noiva". A romântica que há em mim diria "já uma mulher não se pode casar em paz" (porque enfim, há pessoas que se conhecem de formas muito esquisitas mas até acabam por se apaixonar) não fosse algumas das felizes contempladas terem companheiros que pactuavam com o negócio enquanto permitiam, com tais casórios, a entrada sabe Deus a quem no país. Interesseiras e bígamas. Boa.



2 - Os senhores do lixo cá para as minhas bandas têm uma noção de justiça muito apurada. Quem tem a sorte de ter o contentor mesmo ao pé da porta, compensa essa benesse sendo-lhe atribuído um jacó do lixo sem alavanca - o que obriga a cada acrobacia bem perfumada para manter a tampa aberta e atirar os sacos lá para dentro, que vocês não imaginam. Os caixotes com alavanca estão todos em zonas mais afastadas das casas para ninguém ser menos que ninguém, parece-me. Ou então são todos para os amigos. Nem acredito que estou a escrever sobre lixo, mas a questão já me anda a arreliar há tempos. Tenho é preguiça de ligar para a Junta de Freguesia e perguntar por uma coisa tão parva.



3- Um rapaz de 21 anos foi apanhado (num sítio onde já morei, por sinal) a assaltar uma casa. Mas não se julgue que o mancebo roubou ouro e outros objectos pequenos. Ná. Andou dias a carregar uma carrinha das mudanças com o recheio, luxuoso ainda por cima, da casa das pessoas. Ainda pensei que tivesse ficado apaixonado pelas coisas, que nunca tivesse visto mobília tão bonita e se sentisse tentado, que estivesse para casar e lhe apetecesse mobilar o ninho, eu sei lá, porque poltronas, jarrões (alguns bastante monos, diga-se) e sofás não são coisa que se venda na feira da ladra, mas não. Andava a vender tudo na internet, o que levou a que os compradores recebessem a visita da GNR. O crime nunca compensa, mas neste caso o malandro cansou-se realmente para nada...foi um arrastar móveis para os proprietários agora limparem melhor!

1 comment:

Portuguesinha said...

No comments?
Bem, entao cá vai um.

Os sites de OLX e afins são uma desgraça. Eu só encontrei pessoas honestas mas dá para desconfiar de muitas que por lá andam, a vender objectos. Quando os elogiam demais e colocam um valor exagerado, sendo pouco flexíveis a reduções, geralmente até dá para suspeitar. Infelizmente, quem rouba quer continuar a roubar na etapa seguinte, não é por qualquer quantia que se dá por satisfeito.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...