Recomenda-se:

Netscope

Tuesday, April 12, 2016

"Uma senhora conhece-se pelas mãos..."






Nunca este sábio dizer foi tão verdadeiro como hoje! No entanto, o seu significado tornou-se mais amplo: se antigamente as mãos de uma senhora/menina bem nascida se distinguiam  por darem mostras de uma vida delicada, por serem brancas, macias e tratadas, com unhas feitas - por oposição às mãos maltratadas da mulher  que trabalhava no campo ou lidava com a terrível potassa da cozinha - hoje tem mais que se lhe diga.

Actualmente, que muito mais mulheres trabalham mas as tarefas são mais leves e o acesso aos cuidados de beleza mais democrático, uma senhora conhece-se pelas mãos não só em comparação com quem desleixa as suas, mas sobretudo comparando as suas mãos com as das mulheres que cuidam delas erradamente.

 As mãos femininas estão hoje em dia sujeitas a muitas contradições!


Amal Clooney


A primeira é que é super fácil cuidar delas...mas reverter a falta de cuidados é dificílimo. Bem se diz que, na era das intervenções estéticas, muitas vezes são as mãos (tal como o pescoço) a denunciar a verdadeira idade de uma senhora!

Mais importante do que ir à manicura fazer as unhas com regularidade, é manter o cuidado em casa. E tal como o rosto, as mãos pedem exfoliação, hidratação e protecção. De nada serve ter um verniz impecável e a pele toda estragada - o que só piora com os malfadados "forninhos" e as suas lâmpadas cujos efeitos nocivos ainda havemos de conhecer ao certo. Porém, não é preciso um estudo para saber que deixam a pele como cortiça.

Catherine Middleton

Por isso, uma a duas vezes por semana, é aconselhável usar um creme exfoliante bem untuoso e espesso, e de mês a mês fazer um peeling, que retire as células mortas, active a circulação e deixe a pele luminosa. Algumas marcas profissionais vendem fórmulas específicas para as mãos (basta procurar nas lojas de cabeleireiro/estética) mas certos produtos para o rosto fazem o truque se tiverem a consistência certa. Na dúvida, o velhinho exfoliante de limão e açúcar, esfregado nas mãos durante meia horita, não só as deixa livres de células mortas e prontas a receber a hidratação, como garante que a pele fica clara e sem manchas.

De igual modo, há máscaras apropriadas para as mãos- algumas que podem ser realizadas em casa, com uso de calor e luvas


Mas mais importante é a hidratação diária (e sempre que se sinta qualquer desconforto/repuxamento). No entanto, é fácil ganhar preguiça de a cumprir se o creme de mãos for oleoso e pegajoso. Não há nada mais irritante do que esfregar, esfregar e dali a horas ainda ter um "filme" na pele, a escorregar (no volante, no teclado, etc...) e deixar nódoas em tudo!

À conta disso, depois de muita tentativa e erro apaixonei-me por quatro cremes  que não só fazem o "efeito veludo" como secam instantaneamente. 

O meu grande favorito foi, anos a fio, o Garnier Hand Repair que é, a meu ver, uma versão melhorada do mítico Neutrogena. Porque não deixa película  nas mãos e lhes dá a textura aveludada, mas também porque prefiro hidratar logo em profundidade em vez de usar um creme "assim assim".



 No entanto, nem sempre está disponível e como  a Cien/Lidl criou a sua versão - o Creme S.O.S para mãos gretadas e a repuxar - que é igualzinho e além de bastante mais em conta, fácil de encontrar em toda a parte, acho que o Garnier foi destronado. Garanto-vos que não encontram melhor. E a preço de bananas...mas não vão por mim; podem ler mais sobre ele no post desta blogger.



 
Semelhantes - e excelentes também -  são estes dois Clarel (antiga Schlecker) ou Minipreço, de ureia (ver mais sobre as propriedades da ureia aqui) e aloe vera:




Também a não esquecer: espalhar um pouco de protector solar (ou um bom creme com factor de protecção) nas mãos antes de sair, principalmente no Verão e no Inverno. Afinal, ninguém quer manchas que envelhecem e são quase impossíveis de tirar...isto para não falar das LUVAS. Não só as de limpeza e jardinagem (obrigatório) mas as luvas de sair, um belo hábito que se perdeu. E no entanto, todos os anos há luvas lindíssimas à venda. Tenho uma colecção apreciável (adoro as de pele italiana, compridas) e no Inverno ando sempre com umas na carteira. Como tenho o péssimo hábito de me sentar na varanda a escrever, mesmo em dias frios, costumo manter à mão umas luvas de malha sem dedos. Não só para evitar gretas e cieiro, mas a má circulação que torna as mãos feias e coradas...


Taylor Swift: fã das unhas curtas e naturais


O que me leva a outro ponto: poucos cremes fazem desaparecer o aspecto corado das mãos. O melhor para isso é usar o BÊNAMOR de rosto depois do creme de mãos habitual. Protege e faz o efeito de um BB cream. Mãos branquinhas, claras e luminosas!



Por fim, a segunda contradição: pior que não tratar as mãos é destratá-las com o abuso de enfeites nas unhas (e mais grave ainda, fazê-lo descuidando a pele - nada mais feio que garras de acrílico em mãos de camponesa). Muitas vezes, sem ter em atenção se o formato da mão combina com isso.

Já aqui se escreveu exaustivamente sobre o aspecto duvidoso das extensões de unhas e da nail art - ambas piores quanto mais exageradas forem. Voltemos ao óbvio: é muito difícil, para não dizer impossível, imaginar um ícone de distinção e elegância com tais fantasias nas unhas. O motivo de desenhos infantis e folclóricos agradarem tanto a mulheres adultas ou de meia idade escapa-me, mas é bom lembrar que estas "espampanâncias"  até podem ser divertidas para quem gosta, mas sofisticadas nunca serão .

Afinal, vieram inicialmente dos bairros problemáticos americanos, onde quanto mais vistoso, melhor! Não nasceram decerto nos grandes salões nem nos ateliers da Dior...pela origem de uma moda, vemos sempre a quem se destina!

Marilyn: encarnado simples


 Pensemos em Audrey Hepburn, Jackie Kennedy, Grace Kelly, na Princesa Paola ou mesmo em jovens comuns da actualidade, tornadas "princesas" pelo casamento, como a Duquesa de Cambridge que tantas devoradoras de revistas admiram: a sua manicure é invariavelmente discreta. O mesmo se verifica em mulheres distintas como Amal Clooney, Rosie Huntington-Whiteley ou Olivia Palermo. Usam berloques nas unhas ou garras afiadas? Não! O seu objectivo nunca é chamar a atenção para as mãos, apenas mantê-las bonitas.


Olivia Palermo, outra adepta dos nudes, encarnados e bourdeauxs em unhas curtas q.b.


Porém, pior do que ter mãos enfeitadas de forma extravagante, é não considerar o formato dos dedos: se numa mão esguia, com dedos longos, unhas compridas e espampanantes com aplicações ou desenhos já dão um aspecto estranho, numa mão "sapuda", de dedos curtos, só vai realçar ainda mais o aspecto "grosseiro". E se estiverem "vermelhuscas" pior um pouco.

Rosie Huntington-Whiteley

Curiosamente parecem ser as mulheres com mãos sapudas e gordinhas que mais exageram nestes arrebiques, talvez na tentativa de fingir dedos mais elegantes ou desviar a atenção -má receita. 

Unhas curtas ou ligeiramente alongadas, bem modeladas num formato natural e com uma cor bonita - a tríade dos porcelanas/nudes, encarnados e grenás é  à prova de erro, mas algumas cores da moda (desde que discretas e de acordo com a roupa e ocasião), ou uma manicura francesa (à moda antiga, não as versões modernas) ficam bem a quase toda a gente, tenha ou não mãos de pianista.

Se ir a um salão fazer algo tão básico parece um desperdício, para moldar e polir em casa bastam algumas limas, um taco e um pequeno acessório para remover cutículas, tudo utensílios baratíssimos. E para quem é trapalhona a pintá-las, uma boa base com cor resolve tudo. De resto, até a mulher mais espartana costuma ter vernizes a mais...

Lembremos as italianas, que só têm o costume de usar cores em dias especiais, ou as chilenas, para quem unhas demasiado "feitas" são sinal de dondoca mal educada, rude e preguiçosa, sem berço...

Em caso de dúvida, o mais simples e cuidado fica bem a todas as mulheres, nunca cai mal em lado nenhum e ainda poupa tempo

Uma senhora continua a conhecer-se pelas mãos - mas hoje em dia parecer ou não uma senhora é uma opção individual, já que só as maltrata quem quer...






No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...