Recomenda-se:

Netscope

Thursday, October 18, 2012

Tachas...e o edgy bem conseguido




Pois é, já não nos livramos das tachas. Quando até a Burberry faz um trench coat espinhoso, nada nos resta a não ser aguentar e esperar que passe. Tinha comentado a tendência (como é que uma coisa que não chegou a sair de cena é tendência, ultrapassa-me) e pensado como era possível haver gente que ainda não tivesse tachas em casa, ou que quisesse comprar mais. Até eu, que não gosto delas, estava certa de haver alguma coisa no armário com os benditos apliques: e não me enganei. Além dos cintos punk e de uma pulseira lá estavam umas botas, uns sapatos e um vestido (não os comprei por terem tachas, mas eram os únicos disponíveis naquele modelo). Pus-me então a pensar no que fazer com eles e no que disse esta semana sobre os looks edgy que correm mal. 

    Para usar as "peças tendência" sem disparatar nem comprometer a beleza da figura (e o apelo estético da toilette) há, quanto a mim, três regras a seguir:

- Ter em atenção o tipo de corpo e abster-se de usar as peças que não são desenhadas para ele...(ou, se possível, adaptá-las).

- Não misturar várias tendências; uma ou duas no mesmo look, no máximo, bastam para dar um aspecto actual. Há que manter a base simples: um visual polido com um elemento novo e central, em vez de uma amálgama de tralha.

- Quando se usam novidades, especialmente se são espampanantes, ter especial atenção à pele, ao cabelo e à maquilhagem. Quanto mais extravagante a roupa, mais  impecável deve ser o styling.

Eis dois exemplos bem sucedidos para um visual trendy e edgy: proporções e styling perfeitos. Na primeira imagem, estão presentes três elementos fortes da estação.  Os picos, o blazer e o noir (estes últimos, sendo tendência também são clássicos). O negro do gótico e do punk também nos remete para o uso original destas aplicações; porém, a roupa que alonga a figura, a discrição do todo e o bom ar da menina tornam o visual arrojado, mas inegavelmente chic. Simples, mas poderoso...




8 comments:

A Flor said...

Por acaso posso dizer, com certo orgulho, que não há uma única tacha no meu guarda-fatos. Quando implico com uma tendência, nem que vá despida - faço finca pé e não uso.

Imperatriz Sissi said...

Isso é que é coerência! As coisas que tenho de picos advêm de uma fase ligeiramente gótica (em boa verdade, a inspiração gótica nunca me abandonou completamente). Já as tachas foram mesmo acasos, ou males necessários.

O Sexo e a Idade said...

Estamos feitos!
Levamos com taxas e mais tachas!
Só eu não arranjo um tacho!
:DD

menina lamparina said...

É que não é nada difícil usar bem uma tendência. Não sei porque há pessoas que não conseguem. :)*

Fashionista said...

Bons conselhos! Combinar uma tendência com outras peças mais clássicas é o que costumo fazer!

Imperatriz Sissi said...

XD Ahah... também me dava jeito um!

Imperatriz Sissi said...

Sei lá...se calhar acham que usando só uma coisa ficam tão bem vestidas que ninguém repara nelas. ;)

Imperatriz Sissi said...

Sure and simple ;)

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...