Recomenda-se:

Netscope

Sunday, November 11, 2012

Meninas bem vestidas da semana

As últimas duas semanas tiveram visuais muito inspiradores. Já sabem que como sou um pouco distraída e só menciono mesmo o que me deixa os olhos a brilhar, estes " looks da semana" são tudo menos semanais, mas desta feita houve fatiotas tão originais e bonitas que não pude deixar de reparar. E todas elas  são bons investimentos. Ter alguma coisa parecida no armário é uma boa ideia para compor um guarda roupa de qualidade para eventos, tanto no quesito " peças para durar e usar várias vezes" como para criar looks à moda, dependendo do styling e dos acessórios que acompanharem a roupinha. Ora vejamos se concordam comigo:

                                                    Around Melbourne Cup Day
 Rose Byrne com vestido Alex Perry: adoro rosa chá e apesar das riscas com três cores o vestidinho presta-se a muitas combinações diferentes. Nota bene como foi  ajustado até à perfeição. É assim que um vestido "bonequinha" deve cair para não roubar as formas femininas. O penteado não é o que melhor fica à actriz (teria gostado de um look Veronica Lake, um bocadinho mais sexy) mas adoro os sapatos e a carteira.

                                      
  Julianne Moore, Calvin Klein. Como adoro esta dupla não sou imparcial. Acho mesmo que a actriz se tem descuidado um pouco com os moldes que escolhe. Neste caso optou por um tamanho demasiado grande para si (reparem no original): o decote, a cintura e o volume da saia, que são o que dá graça ao modelo, perderam-se. Ainda assim, aquele branco-gelo irisado é lindíssimo e fica maravilhoso na sua pele branca e sardenta. Também gosto muito das sandálias. Dá vontade de lho roubar e levar à costureira, e mais não digo...

                                                                    AFI FEST 2012 Presented By Audi - "On The Road" Premiere - Arrivals

Confesso que embirro um bocadinho com Kristen Stewart (tem um ar enjoado, feições um pouco estranhas e não compreendo a hype à volta dela). Mas dou-lhe crédito por popularizar a pele branca (haja quem nos defenda e obrigue as marcas de maquilhagem a pensar nas caras pálidas) e, desde que se associou a Balenciaga, apresenta um certo chic criativo com uma pitadinha de gótico. O top fica bem ali, nada a dizer; mas o que gosto mesmo é do branco marfim + preto + stiletto clássico. E olhar para as calças faz-me pensar no que ia inventar com elas. Simples, mas com óptimo (e dispendioso) ar.

                                                               
Amy Adams Dolce & Gabbanna: outra ruivinha, branquinha, victoriana beldade que se apresenta (quase) sempre muito bem. Tecido maravilhoso, com padrão oriental (tenho um fraquinho pela velha combinação cetim - preto- com-estampado-chinês), check; ainda por cima, poucas cores fazem uma ruiva brilhar tanto como o verde. Modelo New Look de balão com o cai - cai perfeito e cintura retocada para as medidas dela, check; sandália clássica e refinada, com tira no tornozelo, ideal para usar com saia 3/4 - pois com esse comprimento faz o tornozelo parecer inexistente - check. Prefiro-a com o cabelo solto e um makeup um bocadinho mais dramático, mas isso é mera questão de gosto...

                                                
Rita Ora com Roberto Cavalli: não sou fã da moça, embirro-lhe com o ar trashy e com as raízes à mostra. Também tenho as minhas reservas quanto a Cavalli: tem momentos de génio, mas por vezes exagera no bling bling, na extravagância e nos animal prints. Questão de gosto e relativa, lá está... Apesar disso, gostei muito da forma descontraída como cantora usou este fato, que a adelgaça imenso. Um tailleur de bom corte é um tailleur de bom corte -  e a prova disso é que o estampado extravagante não lhe tira elegância...

                                              
Elle Fanning, Dolce & Gabbanna: há muito entusiasmo em relação à mocinha e na maioria das vezes, não acho caso para tanto. Tem momentos giros, outros nem por isso, embora sempre adequados à sua idade, o que já é óptimo! Neste caso, acho a saia e blusa um amor e do mais versátil: podem ser usadas por alguém tão jovem como a actriz, mas também aos 20, 30, 40...dependendo do styling e acessórios. Também funcionam juntas ou separadas e permitem criar um visual elegante, clássico, romântico, formal, retro, gótico, punk...para não mencionar a qualidade óbvia das peças. No todo, não gosto muito do look: ficava muito mais interessante com um sapato mais alto e com um penteado...que não fosse despenteado. Não tenho nada contra a bandelette em si (embora eu própria fuja delas como da peste, porque me causam mau estar) mas parece que andou a correr no recreio, desmanchou as tranças e foi tirar o retrato para o livro de turma. Ainda assim, o oufit compensa tudo.

    E não posso deixar de acrescentar que na semana passada...

                                                    Name:  eva-mendes-holy-motors-afi-screening-01.jpg
Views: 289
Size:  208.3 KB
...Eva Mendes deu um ar da sua graça com este Dolce & Gabbanna lindo, lindo, que lhe fica na perfeição. Volto a dizer - gosto de tudo o que ela usa. Não sei se é só o gosto impecável da Rachel Zoe se a Eva dá uns palpites, o que sei é que funciona sem erro e sem mácula.

 ...a cerimónia Top Life Figaro, em Pequim, teve convidadas de espantar uma pessoa. É que os chineses não se contêm quando o assunto é requinte...por vezes exageram, caem numa ostentação pouco elegante, mas as suas celebridades estão perfeitas em todos os eventos. Ora vejamos esta riqueza, coisa mais cuti cuti. Apetece levar tudo para casa:

                                    
Sui He: vestido de jacquard bordado fuchsia com mangas `banana´ e cinto Alexander McQueen. Adoro as mangas banana (mangas invulgares é comigo) o brocado, a cor,  os acessórios um pouco agressivos que contrabalançam a delicadeza do vestido com um toque avant garde; e o styling é o meu preferido: sure, chic and simple.
Yao Chen (que já foi mencionada aqui e anda sempre bonitinha): vestido Paco Rabanne e sandálias `Teazer´ Jimmy Choo. Não é o meu estilo, mas conheço uma ou duas amigas que iam ficar maravilhosas com ele...
Ni Ni: vestido Dolce & Gabanna. Já os mencionei várias vezes, por isso sou suspeita...
                               
Jing Tian: vestido de renda e bordados Zuhair Murad, colar de ónix e diamantes. Está simples, está encantadora e adoro vestidos de noite que parecem antigos vestidos de dia (ou de debutantes, vá).
Liu Yifei: vestido Reem Acra. Não adoro o feitio (parece que "flutua" um pouco numa figura tão miudinha) mas o púrpura é sempre uma cor luxuosa.
Sun Li: mini vestido cor de fogo Carven com mangas cap. O modelo não é bem o meu género, principalmente na parte superior. Dificilmente usaria algo assim, mas nela está perfeito - e não me importaria nada de ter algo parecido com um decote diferente. Há muitos anos que não vejo este tom em nenhuma peça de roupa: não é encarnado, nem laranja, nem tangerina ou ferrugem, antes uma cor de labareda que parece cereja à sombra. E as sandálias a condizer? Não consegui apurar o designer, mas reparem que sendo compensadas e com salto largo, são a coisa mais delicada que há. Ou seja, um visual descomplicado, que brilha mesmo pela riqueza dos materiais e dos tons. Linda!





4 comments:

S* said...

Adorei a Eva Mendes, fabulosa... mas achei a Kristen Stewart vulgarucha. Mesmo com roupa cara, não está bem.

Imperatriz Sissi said...

A Eva é esplêndida! Já a Kristen, acho que tem melhorado muito...

Colour my life said...

Adoro, mas adoro mesmo o conjunto da Kristen e o vestido D&G da ruivinha. Lindo. Quanto ao look da Eva Mendes, adoro o vestido. Não considero é que a favoreça. Não fica especialmente bem com o preto, porque tem um tom trigueiro pesadote. Mas é questão de gostos, como é óbvio.

Imperatriz Sissi said...

Colour, não tinha pensado nisso mas tens uma certa razão. O preto não fica exactamente mal a ninguém, mas não é a cor que mais brilha no tom trigueiro dela. Ainda assim, está muito bonita e em termos de molde cai-lhe muito bem.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...