Recomenda-se:

Netscope

Friday, December 21, 2012

Pergunta para os rapazes: puppy love

                            
Lembram-se, cavalheiros, dos vossos "fraquinhos" dos bancos de escola? De passar rasteiras à menina de quem secretamente gostavam,  arreliá-la, moer-lhe a paciência? De puxar as tranças (e mais tarde, com toda a força, os elásticos nas costas dos primeiros soutiens) às vossas eleitas? De lhes tirar os chapéus para as obrigar a perseguir-vos pelo recreio fora? E convidar a coleguinha que elas detestavam para se sentar convosco ao almoço? Roubar o bollycao àquela rapariga gira, só para que ela reparasse em vocês e vos obrigasse a devolvê-lo, nem que fosse à força de estalo ou no caso das menos maria-rapazes, de insulto?  Inventar, enfim, mil e uma partidas e desfeitas, pô-la chorar se preciso fosse, para que "ela" ficasse danada convosco e assim vos desse atenção, correspondendo a uma necessidade que nem vocês próprios conseguiam explicar -  e
 livrando-vos assim, muito manhosamente, de que os vossos amiguinhos vos cantassem o temido estribilho " olhós namorados, primos e casados!!!".
 É uma fase gira, pois é. Mas mais engraçado ainda é ver homens feitos, com idade e porte para ter juízo, que em vez de explicarem como gente grande o que os rói por dentro, dizerem o que sentem ou roubarem não o bollycao, mas uma valente beijoca que ponha tudo em pratos limpos de uma vez por todas ...  continuam a empregar os mesmos métodos. E há-os, pois há. Cada vez que me vêm contar um caso desses, vejo-me novamente de bibe, aos pontapés ao Fernandinho que me roubou o chapéu de palha, e as boas Irmãs a ralhar que uma menina não se comportava assim...

3 comments:

Urso Misha said...

a day at the office...

Jedi Master Atomic said...

Fiz algumas coisas dessas, mas por acaso nunca roubei o bollycao. Talvez ainda vá a tempo de praticar :P

Sérgio Saraiva said...

Hum... Este tema tem muito que se desenvolva, e penso cá para mim que tenho uma certa visão das coisas relativamente oposta à da maioria. Talvez seja eu quem está errado, talvez não.

Vejamos: entra uma miúda gira em cena (i.e. a Sissi :P), qual é o comportamento típico macho? Fixam-se nela, fazem malabarismos para chamar a atenção, mostram o rabo se for preciso, etc, etc, etc. Eu tenho cá para mim que a melhor forma de abortar a questão é... ignora-la. Lol... Passar por ela e ignora-la. Aquilo que me parece é que a maioria das mulheres, tem aquele instinto que as leva a sentir uma certa repulsa por qualquer homem que se mostre digamos que... desesperado tipo à procura de um "aliviozinho", ou então que tenham aquele comportamento submisso de "faço tudo o que quiseres para te agradar"!...

É como digo a postura correta do macho é: passa por ela, despreza-a, curte o ambiente, fala bem com toda a gente homens e mulheres, sociabiliza, relax, diverte-te, etc, em suma: tu (macho) é que és interessante de conhecer e portanto os outros é que tem a ganhar em aproximar-se de ti, e não o contrário: se ela não te quer conhecer ela é que perde e não tu, e no final mulheres há muitas! E nisto... Em pouco tempo, é ela que vai estar a olhar para o macho e a tentar aproximar-se... ahahahahah...

Sissi, tem um bom Natal e um bom ano de 2013.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...