Recomenda-se:

Netscope

Sunday, December 23, 2012

Presente impopular, mas que eu aprecio...(o elogio do pijama)



Não ando atenta às listas dos "piores presentes de Natal" mas tenho a impressão de que os pijamas fazem parte delas, a par com as meias. Pessoalmente não me importo nada de receber pijamas bonitos e fofinhos, robes-de-chambre, roupões de banho e coisas que tal. Por mais que se tenham nunca são demais, até porque mostram uma singular habilidade para se esconder dentro de casa.  Volta não volta os meus preferidos ganham pernas e desaparecem, para surgir bem dobradinhos num canto meses depois. 
   Há sempre quem dê prioridade às "roupas de ir à rua" e vai-se a ver, não tem roupa bonita para dormir - os tais que se queixam "esta ingrata ofereceu-me um pijama, que coisa mais sem graça" mas que quando precisam de passar a noite fora lá vão procurar os que lhe deram pelo Natal...
E já não falo nas "festas do pijama" que podem surgir a qualquer momento, ou da eventualidade de se  precisar dos bombeiros a meio da noite (o Diabo seja cego, surdo e mudo) e ir para a rua com um pijama cheio de borboto. As francesas ensinam às filhas "tem sempre uma camisa de dormir bonita e roupa interior boa" precisamente por causa disso; é um hábito que contribui para a sua elegância lendária - traço que precisa de ser cultivado de noite e de dia, desde que se nasce...
 O mesmo vale para todo o tipo de "lounge clothes" ou seja, peças  apresentáveis para estar em casa sem assustar o carteiro, como vejo muito boa gente fazer.
 Há ainda as meninas que quando arranjam namorado novo gastam balúrdios em lingerie, mas mal ganham intimidade toca de aparecer aos pobres coitados com umas velharias boas para limpar o pó. Ná. O pijama é para ser respeitado e não merece de todo estar na lista dos presentes foleiros, especialmente se for de seda. As minhas avós não eram francesas, mas tinham uma "arca das eventualidades" cheia de pijamas, camisas de noite e robes por estrear, just in case. É óbvio que nunca era um problema oferecer-lhes tal coisa...

3 comments:

Carla said...

A Sissi tem muita razão!
Acho que devemos estar bem arranjadas/os(ou com a indumentária adequada) em qualquer situação. Quer seja para ir jantar fora, ir ao teatro ou para uma simples ida à praia. Eu também sempre ouvi dizer que não se deve descurar a roupa interior.

lena said...

Concordo plenamente. Ter pijamas, robes e lingerie bonita deveria fazer parte dos nossos hábitos. E não me importo nada que me ofereçam.
Beijinhos grandes.

Imperatriz Sissi said...

Eu sou adepta do "enxoval" com roupas para tudo...como as bonecas de antigamente, que se encomendavam com uma arca das indumentárias!
Beijinhos grandes às duas.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...