Recomenda-se:

Netscope

Monday, September 16, 2013

Definitivamente, não vou vestir ISTO.

                             018_Elena-Perminova-Elie-Saab-Couture-Melodie-Jeng-8105_Melodie-Jeng

Gosto tanto de aprender novos truques de styling como qualquer aficionada da matéria, mas há ideias que não compro. 
 Uma delas é usar um vestido formal durante o dia, com umas botifarras e /ou um blazer descontraído ou blusão de pele por cima. Não é que até não se consigam efeitos engraçados: é que...não faz sentido.

Primeiro: uma das coisas que me desgosta na época em que vivemos é (quase) ninguém cumprir os dress codes em lado nenhum. Criatividade, liberdade de expressão, é tudo lindo, mas chateia-me ir a um evento onde é suposto usar-se fato escuro e vestido de noite...e ver tutti quanti de jeans.
 A julgar pelas meninas que tenho visto pela rua nestes preparos, aposto que vamos ter um "momento do contra": ou seja, quando é realmente preciso não se apresentam como devem, mas para dar nas vistas durante o dia já está tudo bem. Certo...

Segundo:não é confortável (tudo bem que a definição de "vestido de noite" para algumas marcas é um saco de poliéster para enfiar pelas orelhas e já está, mas pronto) nem prático. Tecidos delicados, bordados ou com aplicações não têm a resistência das roupas comuns. E estar sentada numa cadeira de escritório com lantejoulas a magoar a pele, ou ter o sol a brilhar sobre cristais swarovski não é a minha ideia de dia perfeito, não.


Terceiro tenho defendido por aqui que respeitar os códigos tradicionais de vestuário (roupas claras para o dia, brilhos para a noite, and the like) é uma forma inteligente de tirar partido do nosso guarda roupa, já que actualmente, quase toda a gente tem mais peças do que consegue vestir e a baralhada é tanta que alguma organização à moda antiga não pode fazer mal.

Tanta ocasião para usar vestidos, meninas!
 Lá diz o povo, quem dos dias faz iguais, das casas faz...já não sei  quê, mas era uma coisa do campo onde se abrigam animaizinhos de presépio.

Para quem gosta mesmo deste visual (ou quer aproveitar ao máximo algumas peças que raramente usa) a versão sensata será um vestido versátil,  day-to-night. Um cocktail dress minimalista preto ou cinza, rendas claras sem aplicações pesadas (que têm estado presentes em todas as colecções) ou seda estampada fazem o truque sem cair em disparates.

1 comment:

Inês Maria Rocha Gonçalves Moura de Sousa said...

eu também não vestiria esta fantochada. Nunca entendi bem algumas misturas e esta é uma delas. Cada coisa no seu lugar será melhor assim. Mas enfim, haja gostos para tudo...

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...