Recomenda-se:

Netscope

Saturday, September 7, 2013

Mas porque é que certas pessoas são língua de trapos?

              

Tão língua de trapos, mas tão língua de trapos, que acabam por arranjar sarilhos para elas próprias. Não ganham nada com isso a não ser o prazer pérfido e doentio de armar confusão. Até conheço quem já tenha apanhado sovas valentes por causa disso, sem no entanto perder a mania de contar mexericos, de ouvir um conto e acrescentar não sei quantos pontos...e o pior é que nem sequer fazem fofocas com certo estilo, vulgo Ligações Perigosas ou Gossip Girl - que é comadrice bem vestida e com a luz estudada. Não, é mesmo cordilhice foleira. Seria de esperar que no século XXI, com tanto para as pessoas se entreterem, o vício de  mexericar estivesse extinto. Mas parece-me que em algumas criaturas o hábito é tão natural como outra necessidade qualquer...arranjam intrigas assim como uma macieira dá maçãs. E o que é que se faz às árvores que dão maçãs bichosas? Sulfato, pois. Ou coisa que o valha. Agricultura não é o meu forte.

1 comment:

Sérgio S said...

Conspirar considera-se na categoria da cusquice barata? :p

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...