Recomenda-se:

Netscope

Tuesday, November 5, 2013

Diferenças irreconciliáveis

              
Ouve-se tanto falar nisto, que é a desculpa-tipo nos divórcios bem comportados de celebridades. Mas por muito cliché que seja, há alturas em que não existe outra explicação. Há de facto prioridades, escolhas, teimosias, caprichos (ou na outra face da moeda, valores) de que as pessoas não prescindem, por muito que gostem uma da outra. Por muito que lhes custe estar separadas. Por mais que seja aborrecido estar sozinho. Porém, se há algumas diferenças "irreconciliáveis" que poderiam tornar-se menos impossíveis com um pouco de boa vontade e deixar de estar no caminho,  há outras que caem na falta de lealdade, de compromisso, de empatia, e que inviabilizam qualquer entendimento. Porque para tudo há sempre os requisitos mínimos. Uma coisa é compreensão, tolerância, paciência - outra é o respeito, sem o qual nada se faz. Sem respeito, nada é conciliável. O resto é cliché, desculpa, politicamente correcto...mas este requisito não.

2 comments:

Bárbara Godinho said...

Querida Imperatriz,

Não sei se é pela tua polida educação se pelas sedas das tuas grandes caudas a roçarem nos pés das cadeiras e alcatifas, mas o teu blogue é o melhor que existe. Aquele que mais me identifico e mais estimo.

Um beijinho

Imperatriz Sissi said...

Querida Bárbara, muito obrigada :) . Não mereço palavras tão bonitas, mas farei por estar à altura. Um grande beijinho.

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...