Recomenda-se:

Netscope

Monday, November 18, 2013

Três conclusões acerca dos Tiroteios em Paris...

                     

...que estão a motivar uma verdadeira caça ao homem.

- O atirador misterioso tem de ser alguém que está muito mal com a vida. Vulgo algumas pessoas frustradas que eu conheço, mas com o último parafuso solto.

- É preciso pouca sorte para estar no lugar do jovem fotógrafo que foi atingido no seu primeiro dia de trabalho. Já ouvi falar de más estreias, mas esta parece um aviso do destino. Está certo que me aconteceram (e a colegas) coisas estranhas e desagradáveis quando trabalhava como jornalista - ameaças de sovas e máquinas partidas por entrevistados maldispostos, por exemplo - mas ser atacado dentro de uma redacção eleva o risco a um nível diferente. Já não se está seguro em parte alguma, e eu que me sentia tão tranquila agora que passei para o outro lado da barricada...

- Já imaginaram as chamadas falsas que a polícia deve receber após ter divulgado as imagens da armada e perigosa pessoa? É que estão tão pouco nítidas que não faltará gente estranha a dizer que reconheceu no atirador desconhecido o vizinho embirrento do terceiro andar, o ex chefe, o ex marido, and so on, no maior espírito "capaz disso era ele".

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...