Recomenda-se:

Netscope

Friday, December 27, 2013

Nunca hei-de perceber...

                                  

...a mania de confundir ser selectivo com ser elitista ou peneirento, vá. É que já que temos de andar neste mundo que seja, dentro do possível, bem acompanhados e rodeados das melhores coisas que pudermos. Há que ser simples, mas à maneira de Oscar Wilde: preferir sempre o melhor. O melhor desempenho, a melhor qualidade, as melhores relações, as melhores decisões, os melhores lugares, o melhor de nós próprios, os melhores amores, as melhores amizades, tudo o que nos puxe para cima e acrescente ordem, beleza, politesse, e gosto à vida. É preferível ter um vestido bom do que dois medianos. É preferível ter um grande amor a uma data deles que estavam à mão, daqueles dos quais não reza a história. As melhores coisas não são fáceis - desafiam-nos. Quem não é exigente fica-se pela aurea mediocritas ou pior, nunca tira os pés da poeira. Se apontarmos para a perfeição podemos não chegar lá, mas andaremos perto. Diz-me com quem andas, e junta-te aos bons, etc. Easy comes, easy goes. Just shoot for the stars, digo eu, sem desculpas.

No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...