Recomenda-se:

Netscope

Saturday, February 8, 2014

Toilette anti-crise do momento.


Quando se trata de investir em jeans, são sempre preferíveis os modelos intemporais e as cores bastante claras (tradicionalmente usadas no Verão) ou o denim muito escuro e sem lavagens ( fantástico para o Inverno, e o único admitido em certos dress codes profissionais).
 Mas as regras existem para serem quebradas, e por vezes nem a rapariga mais discreta resiste a um par de jeans um pouco exótico, arriscado (e provavelmente passageiro, como tudo o que é trendy) mas divertido de usar. 
De há um par de anos a esta parte, os classic jeans - subidos na cintura e afunilados, típicos dos anos 90 e inspirados nos anos 50 regressaram para ficar - até em lavagens ácidas, algo impensável pouco tempo antes. Se forem de boa qualidade e de corte simples, com o styling certo fazem um habillé tremendo e podem mesmo ser adicionados  a um look bem comportado e elegante.
 Os boyfriend jeans, de que falei aqui, são outra opção "alternativa" que levanta dúvidas, mas que invadiu as ruas por todo o planeta.

E agora é a vez dos jeans rasgados - ou stressed jeans - que têm feito tímidos regressos em colecções passadas. Temos visto que no que toca quer ao styling, quer ao tipo de peças-que-deixou-de-ser-esquisito-levar-à-rua-com-as -combinações- mais- invulgares , nunca houve  tanta liberdade na roupa, calçado e acessórios como nos últimos anos. 

Das saias maxi às sweatshirts insanas, dos ugly shoes à popularização da silhueta ladylike até com peças desportivas, passando por inspirações em décadas aparentemente contraditórias (40s, 50s, 90s, Belle Époque) nada é demasiado estranho ou ridículo desde que usado com senso, elegância e noção das proporções. A própria crise obriga à reinvenção, reutilização, mistura e reciclagem, que se têm reflectido nas tendências, mais das ruas para a passerelle do que o contrário, num ciclo vicioso que tem as suas vantagens.


Os jeans com manchas ou rasgões são, por norma, reservados para o Verão, mas alguém se lembrou de inverter *mais esta* regra e usá-los em pleno Inverno. Uma combinação vencedora, que tem feito as delícias das fashionistas (bloggers, modelos, editoras...) por este mundo fora, não podia ser mais democrática nem mais fácil, até porque quase todas temos um ou mais pares esquecidos lá por casa.  Eu própria, que não sou a maior fã do género, guardei alguns exemplares graças ao meu hábito de coleccionar ganga vintage e de designer.

Pega-se num top (camisola, camisa...) bonito, coloca-se sob ou sobre os jeans que andavam na arrecadação, atira-se por cima um big coat ou statement coat (ou ambos, de preferência) e arremata-se o visual com uns stilettos ou scarpins pontiagudos, do mais clássico, eventualmente com um padrão chamativo.
 O casaco pode ser um sobretudo (os camel, estilo Max Mara, são o must have do momento)  um pea coat ou um blazer xxl - de preferência vintage. 

Eis um visual  excelente para o fim-de-semana e que não custa muito a montar. Pelo menos, assim que parar esta chuva teimosa.



No comments:

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...