Recomenda-se:

Netscope

Thursday, December 11, 2014

Passatempo Benamôr: o photoshop em tubo


Já vos falei em tempos da minha longa relação com o creme Bênamor,  utilizado por - pelo menos - três gerações de mulheres da minha família. É natural que as minhas bisavós tivessem usado também, uma vez que existe desde os loucos anos 20. 

 Com muita pena minha, nunca me lembrei de lhes perguntar...o post que isso não dava!
(Nota: visitem a página da marca no Facebook para se deliciarem com imagens de alguns cosméticos antigos que produzia e que por enquanto, ainda não voltaram a estar entre nós).

Em pequena adorava roubá-lo do toucador da avó para o esfregar na cara e nas mãos. Aquele cheirinho a pó de arroz é inesquecível. Na adolescência comecei a comprá-lo em mercearias tradicionais porque apesar de ser alérgica a quase tudo, a promessa de tratar todas as imperfeições valia o risco...e como nunca me causou qualquer incómodo e cumpria de facto os dizeres tão giros da embalagem, nunca mais o larguei.




E porque é que adoro este produto e o tenho sempre cá em casa? É que não se trata só de um creme bonitinho nacional, de uma adorável criação das fábricas Nally com ar vintage que é tradição comprar. Para já, o Benamôr é versátil - cada portuguesa que o utiliza terá usos diferentes para ele. Pode ser usado sozinho, sobre outro creme leve (já que algumas pessoas lhe poderão achar um certo efeito tensor) sob o BB Cream ou base... 

Adequa-se simultaneamente a tratar e prevenir rugas, combater o acne, manchas e quaisquer outros incómodos, protege a pele contra as agressões exteriores, limpa os poros, matifica e é - palavra de honra - o melhor primer do mercado.



 A minha pele super sensível não gosta de primers, raramente os suporta; mas com o Benamôr não tenho qualquer reacção adversa. Mind you, apesar de praticamente incolor é um primário poderoso, uma espécie de photoshop em tuboUsá-lo é como passar um filtro fotográfico no rosto e faz um efeito lindíssimo. Quando aplico Benamôr tenho de ser muito subtil na base ou no BB cream para não ficar com um ar maquilhado demais. Há mesmo uma senhora cá em casa que se usar Benamôr, se recusa de todo a pôr fond-de-teint. Além disso, uma embalagem dura imenso...muitas vantagens num creme ao alcance de todas!

 Se ainda estão com dúvidas ou são fãs empedernidas do creme milagroso, o Imperatriz Sissi e a Benamôr juntaram-se para oferecer uma caixinha amorosa que inclui o Benamôr de rosto, o creme de mãos (que dá o efeito "aveludado" tão raro de encontrar hoje em dia) e o Creme Gordo da marca (que pode ser usado sem dó para todas as necessidades de hidratação).



Para ganhar o coffret Benamôr, basta seguir o sistema do costume:

1- Seguir o Imperatriz Sissi via Facebook ou, se já são fãs (thank you!) partilhar o passatempo.

2- Tornarem-se fãs facebookianos da página da Benamôr.

3- Enviar um email para imperatrixsissi@hotmail.com com o vosso nome de seguidores (e link de partilha, se for o caso).

- O passatempo é válido para o território nacional e podem participar até dia 20 de Dezembro.

 Boa sorte!



3 comments:

Sandra Marques de Paiva said...

Tenho mesmo de comprar essa creme, só leio maravilhas dele :)

Géraldine said...

Tenho de experimentar! Como a minha pele é muito sensível/reactiva tenho usado a gama Avène. Desconhecia essa marca. Obrigada pela partilha :-)

Imperatriz Sissi said...

@Sandra, vale a pena ter sempre uma embalagem à mão.

@Géraldine (já disse que adoro esse nome?) o Benamôr tem boa reputação entre as peles reactivas. Costumo dizer que se não provoca reacção na minha, dificilmente provocará noutra pessoa já que a minha pele é mesmo muito picuinhas :D

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...